Olhe para qualquer droga neste blog

Carregando...

DIOSMIN

DIOSMIN
diosmina
hesperidina


Forma Farmacêutica e Apresentações - DIOSMIN
Comprimidos revestidos. Embalagens com 10, 30 ou 60 comprimidos.USO ORAL
USO ADULTO

Composição: - DIOSMIN
Cada comprimido revestido contém:
Fração flavonóica purificada, sob forma micronizada de:
diosmina .................... 450 mg
flavonóides expressos em hesperidina .................... 50 mg
Excipientes: crospovidona, dióxido de silício, dióxido de titânio, estearato de magnésio,
laurilsulfato de sódio, manitol, Opadry II, povidona, corante azul FDC 2 laca e corante
vermelho Ponceau 4R laca.

INFORMAÇÃO AO PACIENTE: - DIOSMIN
DIOSMIN é indicado no tratamento de varizes1, úlceras2 varicosas e úlceras2 de estase,hemorróidas3, e outros sintomas4 de má circulação5.
O produto, quando conservado em temperatura ambiente (temperatura entre 15 e
30°C), ao abrigo da luz e umidade, apresenta uma validade de 36 meses a contar da
data de sua fabricação. NUNCA USE MEDICAMENTO COM O PRAZO DE VALIDADE
VENCIDO. ALÉM DE NÃO OBTER O EFEITO DESEJADO, PODE PREJUDICAR A
SUA SAÚDE.
Informe seu médico a ocorrência de gravidez6 na vigência do tratamento ou após o seu
término. Informar ao médico se está amamentando.
Siga a orientação do seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a du -
ração do tratamento.
Não interromper o tratamento sem o conhecimento do seu médico.
Informe seu médico o aparecimento de reações desagradáveis. Raramente podem
ocorrer reações adversas ao medicamento. No entanto, a administração do produto
poderá ocasionar alterações digestivas leves, como náuseas7, dor abdominal ou diarréia8.
Também pode ocorrer cansaço, dor de cabeça, insônia e alterações na pele, não
obrigando nunca a interrupção do tratamento.
TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS
Até a presente data, não foram referidas restrições de uso do produto junto com álcool
ou alimentos.
Não se conhece, até o momento, nenhuma contra- indicação absoluta para o uso de
DIOSMIN (vide item "Precauções e Advertências").
O uso do produto em gestantes e lactantes9 deverá ser cauteloso, considerando risco /
benefício.
Informe seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando, antes do início,
ou durante o tratamento.
NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO. PODE SER
PERIGOSO PARA SUA SAÚDE.

INFORMAÇÃO TÉCNICA: - DIOSMIN
DIOSMIN, devido as suas propriedades venotônica e vasculoprotetora, é indicado no
tratamento da insuficiência10 venosa crônica, funcional e orgânica dos membros inferio -
res e no tratamento das hemorróidas3.
DIOSMIN exerce ação sobre o sistema vascular11 de retorno, diminuindo a distensibilidade
e a estase venosa e, na microcirculação, normalizando a permeabilidade e
reforçando a resistência capilar.
Farmacocinética:
Após administração no homem, por via oral, de DIOSMIN, veri fi ca- se rápida absorção
pela mucosa12 digestiva, forte metabolização, evidenciada pela presença de diferentes
fenóis ácidos na urina13, e meia- vida de eliminação de 11 horas, com excre ção essencialmente
fecal (80%) e urinária de aproximadamente 14%.
Farmacologia clínica:
Os estudos controlados em duplo- cego, utilizando métodos que permitem objetivar e
quantificar a atividade de DIOSMIN sobre a hemodinâmica venosa, confirmaram as
propriedades farmacológicas deste medicamento no homem.
• Relação dose / efeito:
A existência de relações dose / efeito, estatisticamente significativas, baseiam- se nos
parâ me tros pletismográficos venosos: capacitância, distensibilidade e tempo de es coa -
mento. A me lhor relação dose / efeito é obtida com a posologia de 2 comprimidos ao
dia.
• Atividade venotônica:
DIOSMIN aumenta o tônus venoso. A pletismografia de oclusão venosa por manguito de
compressão de mercúrio evidencia uma diminuição dos tempos de escoamento venoso.
• Atividade microcirculatória:
Os estudos realizados em duplo- cego mostraram uma diferença estatisticamente significativa
entre o medicamento e o placebo. Nos pacientes que apresentam sinais14 de fra -
gilidade capilar, DIOSMIN aumenta a resistência capilar medida por angiosterometria.
Em clínica:
Os estudos clínicos realizados em duplo- cego contra placebo colocam em evidência a
atividade terapêutica de DIOSMIN em flebologia, no tratamento da insuficiência10 venosa
crônica, funcional e orgânica dos membros inferiores, e em proctologia, no tratamento
das hemorróidas3.

Indicações: - DIOSMIN
DIOSMIN é indicado no tratamento das manifestações da insuficiência10 venosa crônica,funcio nal e orgânica dos membros inferiores, tais como: varizes1 e varicosidades, edema15
e sensação de peso nas pernas, estados pré- ulcerosos, úlceras2 varicosas e úlceras2 de
estase.
Tratamento dos sintomas4 funcionais relacionados à insuficiência10 venosa do plexo hemorroidário.

Contra-indicações: - DIOSMIN
DIOSMIN É CONTRA- INDICADO EM PACIENTES QUE APRESENTEM HIPERSENSIBILIDADE
A QUAISQUER DOS COMPONENTES DE SUA FÓRMULA.
NÃO SE CONHECE, ATÉ O MOMENTO, NENHUMA CONTRA- INDICAÇÃO ABSOLUTA
PARA O USO DE DIOSMIN (VIDE ITEM "PRECAUÇÕES E ADVERTÊNCIAS").

Precauções e Advertências: - DIOSMIN
NÃO SE DISPÕE, ATÉ O MOMENTO, DE DADOS SOBRE O USO DE DIOSMIN EMPORTADORES DE INSUFICIÊNCIA HEPÁTICA16 OU RENAL17. EMBORA OS ESTUDOS
REALIZADOS EM ANIMAIS DE LABORATÓRIO NÃO TENHAM DEMONSTRADO
TOXICIDADE EM RELAÇÃO ÀS FUNÇÕES DE REPRODUÇÃO, NÃO HÁ AVALIAÇÃO
EM HUMANOS, PORTANTO, O USO DO PRODUTO EM GESTANTES E LACTANTES9
DEVERÁ SER CAU TE LO SO, CONSIDERANDO RISCO / BENEFÍCIO.

Interações medicamentosas: - DIOSMIN
Até o momento não há interações medicamentosas com DIOSMIN descritas na lite ratura.

Reações adversas: - DIOSMIN
SISTEMA NERVOSO18 CENTRAL: FORAM DESCRITOS CASOS RAROS DE INSÔNIA,TONTURA19, VERTIGEM20, CEFALÉIA21, ANSIEDADE E FADIGA.
GASTRINTESTINAL: ALGUNS CASOS DE ALTERAÇÕES DIGESTIVAS LEVES, TAIS
CO MO NÁUSEAS7, VÔMITOS22, DOR ABDOMINAL, EPIGASTRALGIA23, DISPEPSIA24 E
DIAR RÉIA, FORAM DESCRITOS NA LITERATURA, NÃO OBRIGANDO NUNCA A
INTER RUPÇÃO DO TRATAMENTO.
PELE: ECZEMA25 E PTIRÍASE RÓSEA PODEM RARAMENTE OCORRER, DESAPARECENDO
COMPLETAMENTE APÓS INTERRUPÇÃO DE DIOSMIN.

Posologia: - DIOSMIN
A posologia usual é de 2 comprimidos revestidos ao dia: um pela manhã e outro à noite,
de preferência durante as refeições.
Nas crises hemorroidárias, a dose deve ser aumentada para 2 comprimidos, 3 vezes ao
dia, por 4 dias, seguido de 2 comprimidos, 2 vezes ao dia, por 3 dias.

Conduta na superdosagem: - DIOSMIN
Não há relatos de superdosagem com DIOSMIN.
Pacientes idosos:
As mesmas orientações dadas aos adultos devem ser seguidas para os pacientes
idosos, observando- se as recomendações específicas para grupos de pacientes
descritos nos itens "Precauções e Advertências" e "Contra- indicações".

MS - 1.0573.0248
Farmacêutico Responsável: Dr. Wilson R. Farias CRF- SP nº 9555
Aché Laboratórios Farmacêuticos S.A.
Via Dutra, km 222,2 - Guarulhos - SP
CNPJ 60.659.463/0001- 91 - Indústria Brasileira
Número do lote, data de fabricação e prazo de validade: vide
Embalagem externa
VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA




DIOSMIN - Laboratório

Nenhum comentário:

Postar um comentário