MICOSTYL

Composição - MICOSTYL
nitrato de econazol 0,01 g, excipiente q.s.p.1,00 g. O excipiente contém: creme: água purificada, álcoois graxos, conservantes, glicerina, monoestearato de glicerila, monoestearato de sorbitan, palmitato de isopropila. Loção: ácido esteárico, água purificada, álcoois graxos, conservantes, monoestearato de glicerila, propilenoglicol, trietanolamina. Pó: celulose microcristalina, carbonato de magnésio, perfume, silicato de alumínio, silicato de magnésio, triclosan.


Posologia e Administração - MICOSTYL
aplicações do creme ou loção sobre as áreas afetadas 2 a 3 vezes ao dia. Como profilático da Tinea pedis, o pó pode ser aplicado 1 ou 2 vezes ao dia.


Precauções - MICOSTYL
na terapêutica sobre áreas eczematosas, recomenda- se tratar previamente a dermatite1 eczematosa.


Reações adversas - MICOSTYL
podem ocorrer queimação e irritação no local da aplicação. Dermatite1 de contato tem sido raramente observada.


Indicações - MICOSTYL
tratamento tópico2 de micoses superficiais causadas por leveduras (monilíases intertriginosas, monilíase cutânea generalizada), micoses saprofitárias (pitiríase versicolor, eritrasma), micoses superficiais por dermatófitos (Tinea capitis, Tinea barbae, Tinea corporis, Tinea cruris, Tinea pedis, Tinea unguium).


Apresentação - MICOSTYL
frasco contendo 30 g de pó; frasco contendo 60 ml de loção cremosa; bisnaga contendo 45 g de creme.





MICOSTYL - Laboratório

Nenhum comentário:

Postar um comentário