ATLANSIL

Atlansil


Composição - ATLANSIL
Cloridrato de amiodarona.


Indicações - ATLANSIL

Injetável: Distúrbios do ritmo auricular com ritmo ventricular rápido fazendo suspeitar de via de condução auriculoventricular acessória, taquicardia1 do tipo Wolff- Parkinson-White, distúrbios do ritmo ventricular. Comprimidos: Alterações do ritmo auricular, juncional, ventricular, alterações do ritmo no Wolff-Parkinson-White.


Ação farmacológica - ATLANSIL

A amiodarona reduz o consumo de oxigênio pelo miocárdio, inibe parcialmente as reações adrenérgicas alfa e beta, aumenta a irrigação coronariana, não altera o volume- minuto, prolonga o potencial de ação da fibra miocárdica, reduz automatismo sinusal e a condução dos impulsos em níveis sinoauricular, auricular e nodal, aumentando os períodos refratários A amiodarona tem meia-vida prolongada e acumula-se nos tecidos muscular e adiposo, sendo necessária uma impregnação inicial com doses maiores, seguida da uma dose menor de manutenção. A molécula de amiodarona contém iodo.


Posologia - ATLANSIL

Comprimidos: Tratamento de ataque: 1 comprimido 3 vezes ao dia durante 8 a 10 dias. Tratamento de manutenção: 1 a 2 comprimidos diários. Pode- se adotar o esquema de "janela terapêutica", usando o medicamento durante 5 dias com intervalo de 2 dias sem medicação. Injetável: Ataque: 5 mg/kg em 250 ml de soro2 glicosado, administrados em 20 minutos a 2 horas, repetindo 2 a 3 vezes nas 24 horas. Manutenção: 10 a 20 mg/kg/dia (média 600 a 800 mg/24 h, até 1,2 g/24 h) em 250 ml de soro2 glicosado durante alguns dias. A duração da injeção3 não deve ser inferior a 3 minutos. Não misturar outro produto na seringa4.


Cuidados especiais - ATLANSIL

Contra- indicado em caso da hipersensibilidade ao iodo, bradicardia5 sinusal, bloqueio sinoauricular, bloqueio aurículoventricular; disfunção tireóidea, gravidez6 (risco tireóideo fetal), lactação7, hipotensão8 severa. Interage com outros antiarrítmicos, betabloqueadores, alguns antagonistas do cálcio, laxativos estimulantes drogas hipocalemiantes, anticoagulantes orais, digitálicos, fenitoína.


Efeitos indesejáveis - ATLANSIL
Microdepósitos corneanos, fototoxicidade cutânea, pigmentação grisácea cutânea (todos reversíveis); sinais9 de hiper ou hipotireoidismo10; pneumopatia intersticial difusa; neuropatia periférica11 (rara), elevação das transaminases; hepatopatia aguda (rara); hipotensão8 e flebite12 (forma injetável).


Superdosagem - ATLANSIL

Se a ingestão é recente, a indução do vômito13 e a lavagem gástrica14 podem ser úteis. A bradicardia5 pode ser controlada com agonista beta- adrenérgico ou marcapasso15 e a hipotensão8 pode responder a agentes inotrópicos positivos e (ou) vasopressores. A amiodarona não é dialisável.


Apresentações - ATLANSIL

Caixas com 20 comprimidos da 200 mg; caixas com 6 ou com 50 ampolas da 150 mg (3 ml).

SANOFI WINTHROP Farmacêutica Ltda.



ATLANSIL - Laboratório

Nenhum comentário:

Postar um comentário